EQUIPE

EXECUTIVA
 

Superintendente Executivo e Coordenador de Projetos
Nicholas Kaminski - Biólogo, Doutor em Engenharia Florestal
Doutor em Engenharia Florestal - Conservação da Natureza pela Universidade Federal do Paraná (2015) e mestre em Engenharia Florestal – Silvicultura pela mesma instituição (2011). Possui graduação em Bacharelado em Biologia pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (2005) e Especialização em Conservação da Natureza também pela PUCPR. Com experiência em consultoria e na condução de projetos voltados à pesquisa e monitoramento de fauna (especialmente em atividades relacionados à ecologia e conservação de aves), já atuou em projetos na Mata Atlântica, Caatinga, Cerrado e Campos Sulinos. Destaca-se a atuação no monitoramento de fauna em Santa Catarina, trabalhando com redes de interação animal-planta voltadas a restauração ambiental e o monitoramento de fauna realizado em conjunto com o CEMAFAUNA Caatinga, amostrando importantes áreas dentro do bioma. Possui 13 artigos publicados sobre o assunto em periódicos nacionais e internacionais. Atualmente é Coordenador de Projetos da Fundação Neotrópica do Brasil.

Coordenadora Administrativa
Giana Alves Correa - Administradora
Graduada em Administração na UNIDERP (2014). Atuou por cinco anos como Oficial Administrativo em órgão público, incluindo as funções de compras com licitação, contratos, registro de preço, controle e distribuição de recursos e adequação de rubricas municipal, estadual e federal. Atuou dois anos no setor privado, desempenhando o controle administrativo e financeiro da empresa, pagamento de pessoal, fornecedores e compras. Desde 2009 colabora com a Fundação Neotrópica do Brasil, onde desempenha diversas atividades administrativas e financeiras, incluindo: licitações públicas, controle financeiro e prestação de contas para diferentes financiadores. Entre esses estão patrocinadores públicos e privados, nacionais e internacionais, incluindo ONGs (Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental – SPVS, Conservação Internacional do Brasil, Fundo Brasileiro para Biodiversidade – FUNBIO, Fundação AVINA e Fundação Grupo O Boticário de Proteção à Natureza – FGB); governos (Programa Demonstrativo Ambiental/MMA, Instituto de Meio Ambiente de MS - IMASUL MS, Prefeitura Municipal de Bonito – PMB MS e Fundo Nacional do Meio Ambiente/MMA); empresas (Banco United Way International, Banco HSBC, Parque das Aves), entre outros. Atualmente é Coordenadora Administrativa da Fundação.

COLABORADORES

Isis Rodrigues Reitman - Geógrafa, mestre em Geografia
Possui graduação em Geografia Licenciatura e Bacharelado pela Universidade Federal da Grande Dourados (2013-2015). Mestre em Geografia pela mesma instituição (2016) na linha de pesquisa em Políticas Públicas, Dinâmicas Produtivas e da Natureza, foi bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e integrante do Grupo de Pesquisa Território e Ambiente-GTA, desde 2009. Durante a graduação desenvolveu pesquisas de iniciação científica em Assentamentos Rurais localizados na área de amortecimento do Parque Nacional da Serra da Bodoquena e participou do PET/Vigilância em Saúde como aluna bolsista dos projetos Tuberculose e Dengue. Atualmente trabalha na equipe técnica da Fundação Neotrópica do Brasil, atuando como geógrafa responsável do projeto "Capacitação dos Moradores do Assentamento Canaã, no entorno do Parque Nacional Serra da Bodoquena, município de Bodoquena - MS".
Gláucia Helena Fernandes Seixas -  Zootecnista, Doutora em Ecologia e Conservação da Natureza Graduada em Zootecnia (1988), pela Universidade Federal de Santa Maria – RS, com Mestrado (2000) e Doutorado (2009) em “Ecologia e Conservação”, pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Atuou como gestora ambiental durante 11 anos, no Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul – IMASUL, onde desempenhou a função de Coordenadora de Fauna Silvestre/Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (sete anos) e Gerente de Conservação da Biodiversidade (quatro anos). Ao longo desses anos esteve à frente da execução de importantes programas e projetos governamentais, tais como: PNMA/MMA - Reestruturação do CRAS, Programa Pantanal/BID - Fauna em MS e GEF Pantanal/OEA - Comércio ilegal de animais vivos no Pantanal. Em 1993 ajudou a fundar a organização não governamental Fundação Neotrópica do Brasil – FNB, na qual se dedicou como Superintendente Executiva de 2004 a 2016, onde coordenou diferentes projetos e suas equipes (técnicas e administrativas), com a missão de praticar e promover a conservação da natureza. Em 1997, por iniciativa pessoal, criou o projeto “Papagaio-verdadeiro: manejo e conservação”, que coordena e executa até hoje sem interrupções e em 2005 ampliou o projeto para todas as espécies psitacídeos do Pantanal (exceção das araras).
 
 
Fátima Sonoda - Bióloga, Mestre em Conservação da Natureza (Escritório Cuiabá – MT). 
Graduada em Licenciatura Plena em Ciências Biológicas (UFMT), especialista em Educação Ambiental (UFMT), Diplomada en Manejo y Conservación de Recurso (Universidad Autonoma de Yucatan) e mestrado em Ecologia e Conservação da Biodiversidade (UFMT). Gerente Executiva da Fundação Ecotrópica, Analista da Unidade de Coordenação do PRODESTUR/BNDES da Secretaria de Estado de Desenvolvimento do Turismo, Assessora de Assuntos Internacionais do Governo de MT, atualmente ocupa o cargo de Superintendente de Mudanças Climáticas e Biodiversidade da Secretaria de Estado de Meio Ambiente de MT. Atuou no Projeto Incidência Política para Conservação do Pantanal (Aliança Ecossistema/ICV/Fundação Neotrópica do Brasil).
Juliana de Andrade - Bióloga, MBA em Sustentabilidade e Biodiversidade
Graduada em Ciências Biológicas pela Universidade Católica Dom Bosco com especialização em Sustentabilidade e Biodiversidade, estagiou em laboratório de efluentes da Concessionária Águas Guariroba durante o período de graduação. Possui experiência em ecoturismo atuando por um ano no grupo Rio da Prata, onde desempenhou atividades relacionadas ao turismo e área ambiental no Recanto Ecológico Rio da Prata e Lagoa Misteriosa. Em seguida desenvolveu o Projeto Conectados da Serra, voltado a educação para conservação com alunos e professores da rede escolar do município de Bonito/MS por meio do Instituto das Águas da Serra da Bodoquena - IASB e apoio ao Projeto Ilhas Verdes que contempla restauração de áreas rurais degradadas no município. Atualmente é Bióloga da Fundação Neotrópica do Brasil, onde trabalha com projetos em conservação ambiental na região como o Monitoramento Hidrológico da bacia do rio Formoso e projetos em cidadania e conscientização ambiental como a Rede de Ecomunicadores – Para Tudo e o Programa Observadores Mirins de Aves.
Mariza Silva - Bióloga, Doutoranda em Desenvolvimento Regional. 
Bióloga, pós-graduada em Desenvolvimento Local: Meio Ambiente e Turismo, pela Universidade Católica Dom Bosco e doutoranda em Meio Ambiente e Desenvolvimento Regional, pela Universidade Anhanguera-Uniderp. Tem ampla experiência em trabalhos com organizações não governamentais  em prol da conservação da natureza e do meio ambiente. Trabalhou por 12 anos na Conservação Internacional, onde teve a oportunidade de se aperfeiçoar nas áreas de articulação com parceiros, negociação de conflitos, planejamento estratégico e participativo; e relatoria de projetos com prestação detalhada de contas. É fluente nas línguas inglesa e espanhola, com nível avançado na língua francesa.
Rodolfo Portela Souza - Gestor Ambiental, Mestre em Ciência e Tecnologia
Possui bacharelado em Gestão Ambiental e mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental pela Universidade Federal da Grande Dourados. Atua desde 2008 em projetos de restauração ecológica, conservação da biodiversidade aliada a geração de renda em assentamentos rurais, adequação legal e ambiental de propriedades rurais e uso de geotecnologias em análises ambientais. Foi professor substituto da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, ministrando disciplinas da área de gestão ambiental ao curso de Tecnologias em Gestão Ambiental. Foi bolsista de extensão do CNPQ-nível A, atuando como técnico da Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares ITCP-UFMS, que é um projeto de extensão da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul que presta serviços necessários para o início, desenvolvimento e/ou reciclagem de cooperativas ou grupos de trabalho associativo, denominados de Empreendimentos de Economia Solidária – EES. Atualmente trabalha como Gestor Ambiental na equipe técnica da Fundação Neotrópica do Brasil, trabalhando com geoprocessamento e monitoramento ambiental.

APOIO

Vandir Fernandes Silva - Auxiliar de pesquisa
Auxiliar de campo do projeto papagaio-verdadeiro desde o primeiro dia, tendo participado em 100% das viagens de coleta de dados do projeto. Foi fiscal ambiental do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul por mais de 30 anos, onde atuou no combate aos caçadores de jacarés do Pantanal (década de 80) e no Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), desde sua criação em 1988 até 2015. Faz de tudo um pouco, incluindo subir as árvores até os ninhos dos psitacídeos, monitorar ovos e filhotes, incluindo o uso da técnica de rapel. Também auxilia no treinamento dos voluntários e/ou estagiários, que tem muito a aprender com sua experiência. Está sempre junto com os técnicos, no trabalho de sensibilização das crianças, adolescentes e públicos em geral. Faça sol ou faça chuva, quando o “Seu Vandir” chega todos sabem: “lá vem o pessoal dos papagaios!”.
Jackson Fernandes Silva - Auxiliar de pesquisa
Auxiliar de pesquisa do projeto papagaio-verdadeiro. Formado em educação física – licenciatura (2015) trabalha diretamente com o auxiliar de campo Vandir. Ajuda na coleta e registro dos dados, incluindo as atividades dos psitacídeos, a fenologia das árvores do Pantanal, o cadastro e monitoramento dos ninhos, ovos e filhotes, entre outros temas abordados pelo projeto. Também atua no trabalho de sensibilização das crianças, adolescentes e públicos em geral. Faz parte do grupo “lá vem o pessoal dos papagaios!”.

Marina Somenzari - Bióloga, Pesquisadora Associada ​

Bióloga, M​estre em Zoologia pela Universidade de São Paulo (2011)​. Tem experiência em inventários e monitoramentos de avifauna por meio de atividades de pesquisa e consultoria ambiental. Desde 2015 é bolsista CNPq, no Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Aves Silvestres (CEMAVE), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio/MMA). Atua no processo de avaliação do estado de conservação de aves brasileiras e elaboração da lista de aves migratórias, entre outras demandas do Centro. Seus interesses científicos e atuação profissional estão relacionados à taxonomia e conservação de aves neotropicais, com atenção especial para os psitacídeos. É membro do Grupo Assessor do Plano de Ação Nacional para Conservação dos Papagaios desde sua criação (2012) e Pesquisadora Associada da Fundação Neotrópica do Brasil, desde 2014, onde participa ativamente dos projetos de conservação do papagaio chauá e papagaio-verdadeiro. 

Carlos E S Garske - Biólogo, Pesquisador Associado

Biólogo, com bacharelado e licenciatura pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2001), especialista em Gestão Ambiental pelo Instituto de Desenvolvimento Humano e Gestão Empresarial (2006) e mestre em Zoologia pelo Museu Nacional/Universidade Federal do Rio de Janeiro (2009). Tem experiência nas áreas de ensino e pesquisa, com ênfase em ornitologia. Nos últimos anos atua nos biomas Mata Atlântica, Cerrado, Caatinga e Amazônia, onde realiza o monitoramento de avifauna florestal, aquática e barreiros de psitacídeos. Desde 2015 é Pesquisador Associado da Fundação Neotrópica do Brasil, onde participa ativamente dos projetos de conservação do papagaio chauá e papagaio-verdadeiro.

 

Fundação Neotropica do Brasil © 2016